MENU (C)

Poesia Acústica 13 「LETRA」 - Tradução em Português

Oh, fé! Cabelin' na voz! Salve Malak! Poesia, passa nada e nem pode
Igual ela não tem, 0-1, primeira dama
Tá comigo e mantém independente da minha fama
Fui parado na blitz, ela entocou minhas grama'

#LuisaSonza #LETRA #PoesiaAcustica #13 #PoesiaAcustica13 #McCabelinho #TzdaCoronel #Oruam #L7NNON #Chefin #NINA #Chris #Xama #sanderlei #TikTok #REMIX #BLACKPINK #lyrics


Poesia Acústica 13 「LETRA」

Oh, fé! Cabelin' na voz! Salve Malak! Poesia, passa nada e nem pode
Igual ela não tem, 0-1, primeira dama
Tá comigo e mantém independente da minha fama
Fui parado na blitz, ela entocou minhas grama'
Minha bandida de elite, nós dois de fuga nos cana'
Deus me livre rodar de novo, de novo
Nós dois já passou mó sufoco, sufoco
Saímos do fundo do poço e o jogo virou
Yeah, quer seu nome no meu ouro? Então vai de amor
E agora eu vou, eu vou fazer seu tempo valer a pena
O tempo que você perdеu vivendo aquela cena
Abri um salão pra você dеntro da minha favela
Tudo que é meu tu pode ver, tá na responsa dela


E todo mundo tá ligado que ela é minha de fé
Ai de quem cometer o pecado, cobiçar minha mulher
Só ela caminhou comigo quando eu 'tava a pé
Só ela sobe na garupa da XRE, e-eu dou tudo que ela quer
Parece até uma modelo
Mandei colocar 500 ml no seu peito, a preta do lado do preto
Que ficava comigo no beco, hoje nós tá contando dinheiro
De marola no Rio de Janeiro, eu e ela é o casal do gueto
Deus me livre rodar de novo, de novo
Nós dois já passou mó sufoco, sufoco
Saímos do fundo do poço e o jogo virou
Yeah, quer seu nome no meu ouro? Então vai de amor (Oruam na voz)
[Verso 2: Oruam]
Você é tão linda, no baile eu te vi passar


Parando tudo com essa marra no olhar
Diz que cansou dos playboy com marra de brabo
Se eu te beijar, hoje eu dou dois tiro' pro alto
Pra comemorar, só fingir que é fogos
Amor é amor, negócios, negócios
Disse pras amigas que quer ser feliz
Levei de rolezin' de PCX lá no CPX
Só fumando a forte, ahn-ahn
Olha esse decote, ahn-ahn
Só quer dar pros cria' (Só quer dar pros cria')
Que faz poesia, que faz poesia
Pode escolher seu presente
Pra compensar esse meu tempo ausente
Gasta na Gucci, na Farm e na Fendi


Hoje você pode comprar tudo o que você quiser, que você quiser

[Verso 3: L7NNON & N.I.N.A]
Ó, vou falar devagar pra ver se tu me entende
Aqui nós brinca e se diverte, essa vida é um sopro
Acho que é muito tempo nós se ter pra sempre
Mas se quiser, brota mais tarde, vale a pena ver de novo
Ela joga o cabelo, olha pra mim, manda passin', ela é cria de morro
Eu tô com teu cheiro em mim; ela por cima, socorro
Cara de quem não vale, pena que eu tenho muito
Abusada, disse que hoje quer show gratuito
Ouvindo "A Cara do Crime" (Crime), cabelo na régua (Na régua)
Camisa de time (Oh-oh), claro que ela perde (Oh)
Vida de filme, nós tem e não nega


Me maceta firme, é o que ela pede
Sem medo de nada, mira e dispara, tipo, ela não se controla
Falou da minha marra, ela se amarra (Ó), tô te esperando lá fora (Aham)
Gosta do perigo, eu me identifico e tô ligado onde tu mora
Coração do homem é tipo Nike, se não tá no peito, tá na sola
Ela de Saint Laurent, desfile Paris, semana de moda
Agora eu tenho várias fã, recalcado, isso te incomoda (Aham)
Corte talibã alinhado e meu bolso lotado
Um beijo pra todos que não acreditaram
[Verso 4: Chefin]
(Chefin) Mas eu juro, tô tentando me afastar
Tô vendo que nisso eu vou me machucar
Nem o dinheiro, eu juro, pode nos comprar
A felicidade que eu quero conquistar


Me privando de tudo, se escondendo do mundo
Me fazendo de surdo, você só quis me usar
E agora eu compro tudo, coração vagabundo
Mirei no meu futuro, eu não vou mais parar
Fala de novo na minha cara, pode parar com essas graça'
Conheci tão novo e de raça e agora tu lembra das volta'
Olha essas casa' lotada', mostra sua marra, safada
Geme meu vulgo e não para: "Chefin, tu fode bem"
E é de longe que ela vem
Doida pra parar meu trem
E essa mina sabe bem
Minha mente vai além, isso me faz refém

[Verso 5: N.I.N.A]


Mas que ironia, pleno século da putaria
Bandida vividona caindo no amor de pica
Provoca, tu me liga, pergunta até pra minha amiga
Nosso lance é diferente, sente frio na barriga
E quem diria? Quebrando no meio a bandida
Jurou que não ia apegar e agora eu sou sua favorita
Me chama até de vida, me vê e o tesão grita
Vou até gemer mais baixo pra não acordar as vizinhas
E eu focadona-dona, treinadona indo de fuga na contramão
Seu cheiro me doma, toma, 212 quebra, já disse, amor, zero pressão
A mulher do ano te avista de longe, se você quiser, vira meu maridão
Não vou vacilar, não é do meu instinto, te magoar nunca vai ser minha intenção
Planos do BK', beck pra torrar
Prometi o mundo, isso é tudo que eu quero dar


Vou te confessar, é tão bom se entregar
Se parar, complica, então deixa como tá
Ah, ah
Se parar, complica, então deixa como tá
Ah, ah
Se parar, complica, então deixa como tá
[Verso 6: Chris MC & Xamã]
Como você tá mudada
Joga na cara, liga pra nada
Deixo forte a rainha da quebrada
Em mim ela é viciada, eu me amarro na tua sentada
Rico bem novin', romântico à moda antiga
É foda ser de alguém que leva a vida como eu levo a vida
Sempre que quiser voltar, coração todo seu, bandida


'Cê me entende lá, é sempre bem-vinda e ainda
Te observar dormindo, meu sorriso mais lindo
Tem você de motivo, Deus se importa comigo
Amo ser bem-vindo, quando 'cê tá saindo
É a parte que dói, levo esse amor contigo
Pra Realengo, amor, levo o Xamã contigo
Cerveja no isopor, churrasco de domingo
Mas Bangu tá mó calor, BH, sempre bem-vindo
Paulin' que me convocou, fechou, trabalho lindo

[Verso 7: Xamã & N.I.N.A]
Eu só quero saber por que que você tá brigando
Chamando atenção dos cria' que passou dali me olhando, amor
Eu sou mulher pra caralho, isso eu não aceito


Fala baixo comigo pra não perder o respeito
Tu quer mídia, tu quer palco, atriz de novela
Isso memo, joia feita, braba da favela
Então vou sair com as tuas amiga' e com as amiga dela
Seus amigo' eu já peguei, suas amiga' me pega
Ah, eu te amo, sua maluca, eu te aturo quando tu surta
É, tô contigo no sol e na chuva, eu te pego na curva
Para de gritar na rua, é, que tá vindo a viatura
Ela me arranha, me xinga, me chupa
Eu te amo, sua filha da-
Ela diz: "Leva o Xamã contigo, leva o Xamã contigo"
Ela prefere o malvadão que é dublê de marido
Era melô do camelô do Méier até Olimpo
Na van que eu era cobrador, li 875


Me tirou pra nada, me deu dois tapão no peito
Ligou pra cunhada, disse que eu não tenho mais jeito
Se fosse o BBB, levava um milhão e meio
Barraqueira, pagodeira do Rio de Janeiro
Desculpa se sou louco, tão louco
Me deixa ser louco de amor
Eu sei que a vida é um sopro, sou todo seu
Somos como o espinho e a flor
Alô, sou eu de novo e de novo
Perdoa se eu sou tão sonhador
No Pão de Açúcar, eu te namoro
E devolvo até o sol se pôr

[Verso 8: Luísa Sonza & Xamã]


Seu amor tá comigo, ele tá bem guardado
Eu não te esqueço nunca porque é tão complicado
Que eu sou poema e problema pra tua vida, sua metida
Tu é santa ou minha malvada favorita?
E devagarin', -vagarin'
Que uma boa menina também sabe fazer assim, devagarin'
A boa menina é ruim
Sabe que eu não deito pra ninguém não
Mas o coração tá fraco por você e eu
Não queria dar moral pra um cara mala
Vale a pena ver de novo, agora rala
Bagunçou, foi embora
Cachorrinho tá na cola
Se tá com saudade agora


Fica calmo que piora
Ditou se eu domino, romance do fino, fiz essa daqui só pensando na gente
Não sei se é o destino, mas ainda lembro que o que a gente tinha era bem diferente
Amor, nem sei se eu sou melhor sozinha
Mentira, mentira minha, na tua que eu tô na minha
Nem quero tua companhia, me beija no sol, piscina
Mentira, mentira minha
Mentira minha, yeah, ah-yeah


Poesia Acústica 13 「LETRA」 - Tradução em Português


Oh, fé! Cabelin 'na voz! Salve Malak! Poesia, nada passa e nem consigo
Igual ela não tem, 0-1, primeira-dama
Está comigo e mantém independentemente da minha fama
Eu estava parado em Blitz, ela inseriu minha grama '
Meu bandido de elite, nós dois para escapar na cana -de -açúcar '


Deus não permita correr novamente, novamente
Nós dois passamos um material, asfixia
Deixamos o fundo do poço e o jogo virou
Sim, você quer seu nome no meu ouro? Então vá para amar
E agora eu vou, vou fazer seu tempo vale
O tempo que você perdeu a vida
Eu abri um salão para você para minha favela
Tudo o que é meu você pode ver, é a responsabilidade dela
E todo mundo está apegado de que ela é minha de fé
Ai daqueles que cometem pecado, cobiçam minha esposa
Só ela andou comigo quando eu estava a pé
Só ela sobe na barra de xre, eu dou tudo o que ela quer
Parece um modelo
Eu tinha 500 ml colocado no seu peito, o lado preto do preto


Quem estava comigo no BECO, hoje estamos dizendo dinheiro
Marola no Rio de Janeiro, ela e ela é o casal de gueto
Deus não permita correr novamente, novamente
Nós dois passamos um material, asfixia
Deixamos o fundo do poço e o jogo virou
Sim, você quer seu nome no meu ouro? Então vá para amar (Orum na voz)
[Verso 2: Oruam]
Você é tão linda, na bola que eu vi você passar
Parando de tudo com esta marra no visual
Diz que está cansada de Playboy com Marra de Brabo
Se eu te beijar, hoje eu atirei em dois '
Para comemorar, apenas fingir que são fogos de artifício
Amor é amor, negócios, negócios
Eu disse aos amigos que você quer ser feliz


Eu peguei papéis do PCX lá em CPX
Apenas fumando o forte, ahn-ahn
Olhe para este decote, ahn-ahn
Só quero dar para os criados '(só quero dar programas'))
Isso faz poesia, isso faz poesia
Você pode escolher seu presente
Para compensar esse tempo perdido
Gasta em Gucci, fazenda e fendi
Hoje você pode comprar tudo o que quiser, você quer

[Verso 3: L7nnon & n.i.n.a]
O, vou falar devagar para ver se você me entende
Aqui brincamos e nos divertimos, esta vida é uma respiração
Eu acho que é muito tempo para nós termos para sempre


Mas se você quiser, ele brota mais tarde, vale a pena ver de novo
Ela joga os cabelos, olhe para mim, envie passando, ela é uma colina
Estou com o seu cheiro em mim; ela no topo, ajuda
Rosto daqueles que não valem a pena, pena que tenho muito
Abusado, disse que hoje quer show grátis
Ouvindo "o rosto do crime" (crime), cabelos no governante (no governante)
Camisa da equipe (oh-oh), é claro que ela perde (oh)
Vida no cinema, nós temos e não negamos
Maceta me firme, é isso que ela pede
Sem medo de nada, objetivos e incêndios, como, ela não se controla
Ele falou da minha Marra, ela se amarra (oh), estou esperando por você do lado de fora (aham)
Gosta do perigo, eu me identifico e estou conectado onde você mora
O coração do homem é como Nike, se não no peito, está na sola
Ela de Saint Laurent, Paris Parade, Fashion Week


Agora eu tenho vários fãs, reprimidos, isso incomoda você (aham)
Taliban cortou alinhado e meu bolso lotado
Um beijo para todos que não acreditavam
[Versículo 4: Chefin]
(Chefin) Mas eu juro, estou tentando fugir
Estou vendo que vou me machucar
Nem mesmo dinheiro, eu juro, posso nos comprar
A felicidade que quero alcançar
Privando -me de tudo, escondendo -se do mundo
Me fazendo surdo, você só queria me usar
E agora eu compro tudo, Bum Heart
Eu moldo no meu futuro, não vou parar mais
Fale novamente na minha cara, você pode parar essa graça '
Eu conheci tão novo e raça e agora você se lembra do retorno '


Olhe para essas casas 'lotadas', mostra sua Marra, travesso
MELHOR MEU VALOR E NÃO PARE: "Chefin, você foda bem"
E é de longe que ela vem
Louco para parar meu trem
E esta minha conhece bem
Minha mente vai além, refém -me

[Verso 5: n.i.n.a]
Mas que ironia, século inteiro de reclamação
Bandido vívido caindo no amor do pau
Provocar, você me liga, até pergunte ao meu amigo
Nossa oferta é diferente, parece frio na barriga
E quem diria? Quebrando no meio o bandido
Ele jurou que eu não ia me apegar a isso e agora sou o seu favorito


Me chame de até a vida, veja -me e os gritos com tesão
Vou até gemer mais baixo para não acordar os vizinhos
E eu me concentrei, treinado correndo ao redor do contrário
Seu cheiro me domina, faça 212 pausa, já disse, amor, pressão zero
A mulher do ano pode vê -lo de longe, se você quiser, você se torna meu marido
Eu não vou vacilar, nem meu instinto, magoado, você nunca será minha intenção
BK Planos ', Beck para brindar
Eu prometi ao mundo, isso é tudo que eu quero dar
Vou te confessar, é tão bom se render
Se parar, complicar, então deixe
Ah, ah
Se parar, complicar, então deixe
Ah, ah
Se parar, complicar, então deixe


[Versículo 6: Chris Mc & Shaman]
Como você está mudado
Jogue na cara, não chame nada
Eu deixo a rainha dos quebrados
Em mim ela é viciada, eu me amarro em sua sessão
Rico muito novin ', romântico à moda antiga
É foder ser de alguém que leva a vida enquanto eu leva a vida
Sempre que você quiser voltar, todo o seu coração, bandido
Você me entende lá, é sempre bem -vindo e ainda
Observando você dormindo, meu sorriso mais lindo
Você tem por razão, Deus se importa comigo
Eu amo ser bem -vindo quando você está saindo
É a parte que dói, eu levo esse amor com você
Para o Realengo, amor, eu levo o xamã com você


Cerveja de isopor, churrasco de domingo
Mas Bangu é calor, BH, sempre bem -vindo
Paulin 'que me convocou, fechou, belo trabalho

[Verso 7: Shaman & n.i.n.a]
Eu só quero saber por que você está lutando
Chamando a atenção do nu 'que passou olhando para mim, amor
Eu sou mulher fodendo, eu não aceito
Fale baixo comigo para não perder o respeito
Você quer mídia, você quer palco, novela atriz
Este memorando, jóias feitas, Braba da favela
Então, eu vou sair com sua amiga e a amiga dela
Seu amigo 'eu já peguei, seu amigo' me pegue
Ah, eu te amo, seu louco, eu te preço quando você surte


Sim, estou com você no sol e na chuva, eu te pego na curva
Pare de gritar na rua, é que o carro está chegando
Ela me arranha, me amaldiçoa, me chupa
Eu te amo sua filha
Ela diz: "Leve o xamã com você, leve o xamã com você"
Ela prefere o mal que é uma picada de marido
Era Melô do Camelô de Méier até o Olimpo
Na van, eu era colecionador, li 875
Me levou até nada, me deu dois tapa no peito
Ligou para Sheek, disse que não tenho mais
Se fosse o BBB, levaria um milhão e meio
Barqueira, Pagoda do Rio de Janeiro
Desculpe se estou louco, tão louco
Deixe -me ser louco com amor


Eu sei que a vida é uma respiração, sou todo seu
Nós somos como o espinho e a flor
Olá, sou eu de novo e de novo
Perdoe se eu for tão sonhador
No Sugar Loaf, eu namoro você
E eu volto até o sol se pisar

[Verso 8: Luísa Sonza e Shaman]
Seu amor está comigo, ele está bem mantido
Eu nunca te esqueci porque é tão complicado
Que sou um poema e problema para sua vida, seu
Você é santo ou meu mal favorito?
E Devagarin ', -vagarin'
Que uma boa garota também sabe como fazer isso, Swagarin '


A boa garota é ruim
Você sabe que eu não me deto para ninguém
Mas o coração está fraco para você e eu
Eu não queria moral em uma mala
Vale a pena ver de novo, agora magro
Bagunçado, à esquerda
Filhote está na cola
Se você sentir sua falta agora
Acalme -se que fica pior
Ditou se eu dominar, romance da multa, eu fiz isso só de pensar em nós
Não sei se é o destino, mas ainda me lembro que o que tínhamos era bem diferente
Amor, eu nem sei se estou melhor sozinho
Mentir, minha mentira, na sua que estou na minha
Eu nem quero sua empresa, me beije ao sol, piscina


Mentir minha mentira
Mentir minha, sim, ah -yah



YouTube - TOP 50

#sanderlei